Fandom

Scratchpad

Alemanha

216,223pages on
this wiki
Add New Page
Discuss this page0 Share

Ad blocker interference detected!


Wikia is a free-to-use site that makes money from advertising. We have a modified experience for viewers using ad blockers

Wikia is not accessible if you’ve made further modifications. Remove the custom ad blocker rule(s) and the page will load as expected.

A Alemanha ou Império Alemão é um país da Europa oriental membro da APEO(Associação dos Países da Europa Oriental). O Império Alemão é uma monarquia constitucional, formado por quatro estados: Alemanha(Distrito Imperial), Finlândia, Suiça e Polônia. Além dos estados imperiais há um grão-ducado e um principado independentes, Luxemburgo e Liechtenstein. A capital é Berlim[[1]] e as línguas imperiais oficiais são o alemão, finlandês, polonês, inglês e português.

O termo "Alemanha" deriva do francês Allemagne (ou terra dos alamanos), em referência a um povo bárbaro que vivia na atual região fronteiriça entre França e Alemanha, o qual cruzou o Rio Reno e invadiu a Gália Romana durante o século V.

Durante a maior parte da sua história, a Alemanha foi um termo geográfico utilizado para designar uma área ocupada por vários reinos. Tornou-se um Estado unificado devido a Unificação Alemã, proposta pelo chanceler prussiano, Otto von Bismarck.

Alemanha Bruxa, Mapa Politico[[2]]


História

O Império Alemão (ou Alemanha Bruxa) foi unificado em meados de maio de 1924(Na realidade, maio de 2006) tornando-se Império Germãnico, e foi governado inicialmente pelo Kaiser Thuller, Rafael Thuller. Durante a Era Thullina, do Kaiser Thuller, a Alemanha progrediu e quebrou barreiras, foi uma das nações mais desenvolvidas e bem estruturadas do Mundo Bruxo, inclusive conquistou a Austria-Hungria e a Suiça, mais tarde independentes. Infelizmente, o Kaiser Thuller desapareceu por alguns anos e foi dado como perdido.

Após o sumiço do Kaiser Thuller, inicia-se o Periodo Regencial. Esse periodo foi marcado pela decadência do Império. Enquanto a Suiça se desenvolvia, graças ao Rei Robert I, a Alemanha era destruida, virando uma anarquia de bárbaros.

Em atitude audaciosa, o sucessor de Robert I, George I da Suiça invade a Alemanha e é restaurado o Império, com o nome de Império Alemão.

George I transfere a sede do governo de Genebra para Berlim, e juntamente com a politica, a Alemanha passa a se tornar o cenário econômico do Império.

Após assinar um tratado com o chefe de estado finlandês, Samuel I, a Finlândia passa a integrar o Império Alemão.

Não obstante, recentemente, o Imperador George I, anexa a Polônia e Luxemburgo ao seu Império. Por questão dinastica, o herdeiro de Liechtenstein, George I também anexa seu principado ao Império Alemão.

Hoje a Alemanha é membro-fundador da APEO, membro-principal da ONU e uma das cinco maiores potências do mundo bruxa. É lider nas exportações e concentra um grande numero de multinacionais e uma numerosa população.


Governo e Politica

O Império Alemão é uma monarquia constitucional e parlamentarista, cujo sistema nem sempre foi assim.

No inicio foi uma monarquia absolutista, igual as demais potências. O governo é dividido é quatro poderes: Executivo(Chanceler Imperial e Imperador), Legislativo(Bundestag), Judiciário e Moderador(Imperador).

O parlamento, no qual se elege o chefe de governo, chamado de Bundeskanzler (chanceler federal), denominado Bundestag é composto por eleições a cada quatro meses por voto popular e um complexo sistema que combina a representação direta e proporcional.

A função do chefe de estado é cumprida pelo Imperador.

APEO

Atualmente, o Império Alemão faz parte do mais forte bloco econômico do mundo bruxo, a APEO[[3]], Associação dos Países da Europa Oriental, com sede em Frankfurt, Alemanha.

A APEO, a moeda vigente é o Euro Oriental(€O), que é a segunda moeda mais forte do mundo bruxo, ficando atrás apenas do Galeão(G$).

O Império Alemão goza da representação mais numerosa em virtude de ser o país mais populoso e rico da Associação.

Geografia

Devido a grandeza do Império Alemão, há diferentes aspectos geograficos dentro dele.

Alemanha

A Alemanha estende-se desde as altas montanhas dos Alpes (o ponto mais elevado é o Zugspitze com 2 962 m) no sul até às costas do mar do Norte e do mar Báltico no norte. Pelo meio, estendem-se as terras altas, florestadas, da Alemanha central e as terras baixas da Alemanha do norte (o ponto mais baixo é o Neuendorfer/Wilstermarsch, com -3.54 m), atravessadas por alguns dos maiores rios da Europa, como o Reno, o Danúbio e o Elba.

O clima temperado, é por vezes imprevisível no país. No pino do verão, um dia pode ser quente e solarengo e o dia seguinte frio e chuvoso. No entanto, condições climatéricas verdadeiramente extremas, como secas severas, tornados, tempestades de granizo, frio ou calor extremo etc., são extremamente raras. Houve duas inundações de grande escala nos últimos anos, mas em geral também estas são raras. Não há notícia de sismos destrutivos.

Suiça

A paisagem suíça é caracterizada pelos Alpes, uma alta cadeia montanhosa que se estende pelo centro-sul do país. Entre os altos picos dos Alpes suíços, o mais alto dos quais é o Pico Dufour, de 4634 m, na fronteira suíço-italiana, encontram-se inúmeros vales, alguns com glaciares. Delas, as nascentes de muitos rios europeus como o Reno, o Ródano, o Inn, o Aar ou o Tessino descem para lagos como o Léman, o de Zurique, o Neuchâtel e o de Constança e continuam a descer.

A montanha mais alta localizada inteiramente na Suíça é o Monte Dom, com 4545 m de altura. O cume do Dufour, no entanto, pode ser considerado o ponto mais alto da Suíça, pois fica a cerca de 160 m da fronteira italiana, em território suíço.

O norte do país é mais aberto e mais populoso, mas também tem ondulações como o maciço do Jura, uma cadeia menor no noroeste. O clima suíço é em geral temperado, mas as variações regionais são grandes, das rigorosas condições nas altas montanhas ao agradável clima mediterrâneo no extremo sul.

Finlândia

A Finlândia é um país com milhares de lagos e ilhas, 187 888 lagos e 179 584 ilhas, mais concretamente. Um destes lagos, o Saimaa, é o 5º maior lago da Europa. A paisagem finlandesa é predominantemente plana, com algumas colinas e montes baixos. O ponto mais alto do país, o Haltitunturi, com 1328 m, encontra-se no extremo norte da Lapónia. Além dos muitos lagos, a paisagem é dominada por grandes extensões de floresta boreal (cerca de 60% da área terrestre) e pouca terra arável. A maior parte das ilhas encontra-se a sudoeste, fazendo parte do arquipélago das ilhas Åland, ou então situa-se ao largo da costa sul, no golfo da Finlândia. A Finlândia é um dos poucos países do mundo que estão a crescer em área: devido ao levantamento isostático da Escandinávia, que ocorre desde a última glaciação, a superfície do país cresce cerca de 7 km² por ano.

O clima da Finlândia meridional é temperado. Na Finlândia do Norte, e em especial na província da Lapônia, domina um clima sub-ártico, caracterizado por invernos frios e ocasionalmente severos e verões relativamente amenos.

Um quarto do território finlandês situa-se a norte do Círculo Polar Ártico, e consequentemente é possível experimentar o Sol da meia-noite — mais frequente à medida que se caminha para norte. No ponto mais setentrional da Finlândia, o Sol não se põe durante 73 dias no verão e não nasce durante 51 dias no inverno.

Polônia

A paisagem da Polónia consiste quase inteiramente em terras baixas da planície da Europa do Norte, com uma altitude média de 173 metros, embora os Sudetos (incluindo o Karkonosze) e os Cárpatos (incluindo os montes Tatra, onde se encontra o ponto mais alto da Polónia, o Rysy, com 2 499 m de altitude) formem a fronteira sul. Vários grandes rios atravessam a planície, nomeadamente o Vístula (Wisła), o Oder (Odra), o Wadra, e o Bug Ocidental. A Polónia contém ainda mais de 9 300 lagos, especialmente no norte do país. A Masúria (Mazury) é a maior e mais visitada região lacustre da Polónia. Sobrevivem restos das antigas florestas.

A Polónia tem um clima temperado, com invernos frios, encobertos e moderadamente severos, com precipitação frequente, e verões suaves, com aguaceiros e trovoadas frequentes.

Luxemburgo

A oeste faz fronteira com a província belga do Luxemburgo, que tem quase o dobro do tamanho do grão-ducado (4 433 km²).

O norte do grão-ducado, parte das Ardenas, possui colinas e montanhas de baixa altitude, sendo o ponto mais elevado o Buurgplaz, com 559 m. O resto do grão-ducado também é coberto de colinas.

A fronteira oriental do Luxemburgo é formada por três rios, o Mosela, o Sûre e o Our.

A capital, Luxemburgo, é a maior cidade do grão-ducado.

Liechtenstein

Liechtenstein está localizado no vale do Reno nos Alpes. A fronteira ocidental do Liechtenstein coincide com parte deste rio. A parte oriental do país tem uma altitude mais elevada. O ponto mais elevado é o Grauspitz, a 2.599 metros acima do nível do mar.

Apesar da sua localização alpina, o vento predominante é o vento de sul, o que torna o clima mais ameno. No inverno, podem praticar-se desportos de inverno.

Economia

O Império Alemão é a maior economia da Europa e do mundo, em termos de PIB(Produto Interno Bruto) e Exportações. O país é o grande líder mundial em número de exportações, domina quase 75% do transporte mundial e concentra, em Berlim, o maior complexo industrial da Europa. São de capital alemão empresas como BMW AGB Motors[[4]], Norad Metais Corp. S.A.[[5]], Adlon Hotels[[6]], Landesbank Berlin[[7]], Transrapid International[[8]], AlFayed Corp.(BodyZone), International German Health Service(IGHS),entre outras, que demonstram a força econômica alemã nos mais diversos segmentos de mercado.

A capital financeira da Alemanha é Frankfurt[[9]], onde se localiza a maior e mais importante Bolsa de Valores da Europa, a Bolsa de Valores de Frankfurt[[10]].

Cultura

As contribuições da Alemanha para o património cultural da humanidade são numerosas, o que leva alguns autores a aceitar o "Génio Alemão", celebrado no Romantismo (uma das fases da história da arte onde a Alemanha teve uma proeminência invejável). País conhecido por muitos como das Land der Dichter und Denker (A terra dos poetas e dos pensadores), a Alemanha foi o berço de vultos importantíssimos na história da Arte, como se pode verificar nas várias seções deste artigo. Já para aqueles que vêem no romantismo alemão o signo do nacionalismo e o pendor irracional que culminaria em Adolf Hitler, Karl Kraus forneceu um lema alternativo: Em vez de "Land der Dichter und Denker", Kraus chama-lhe "Land der Richter und Henker" (terra dos juízes e carrascos).

O país é um centro tradicional da ciência na Europa. Especialmente no século XX, as pesquisas foram revolucionárias. Cerca de 1/3 dos prémios Nobel (química e física) foram laureados a cientistas alemães entre 1901 e 1933.

A língua alemã e os seus dialetos foram, outrora, a língua franca da Europa Central, oriental e setentrional. Hoje, o alemão é uma das línguas que despertam mais interesse por parte dos estudantes de línguas em todo o mundo, principalmente por causa da possibilidade que o governo aos poucos está conseguindo dar aos estudantes estrangeiros que pretendem estudar na Alemanha. Muitas figuras históricas, ainda que não sendo alemãs, no sentido moderno da palavra "alemão", estiveram imersas na cultura germânica, como é o caso de Wolfgang Amadeus Mozart, Gustav Mahler, Franz Liszt, Immanuel Kant, Franz Kafka, Nicolau Copérnico ou Franz Joseph Haydn (compositor da melodia do Hino nacional da Alemanha).

Berlim é uma cidade com várias atividades culturais: Concertos de Orquestras, Casas de Ópera, Galerias de Arte, Monumentos e etc.

Forças Armadas

As forças armadas alemãs, a Bundeswehr, são compostas pelo Exército (Heer), Marinha (Marine), Aeronáutica (Luftwaffe).

O serviço militar é obrigatório para homens na idade de 18 anos que servem por 9 meses. Em tempos de paz, a Bundeswehr é comandada pelo Ministro da Defesa, atualmente Odysseas Müller. Mas em tempos de guerra o Chanceler e o Imperador recebem o cargo de comandante real da Bundeswehr. O comandante-em-chefe é o monarca.

Em outubro de 2006 as forças armadas alemãs tinham 300.011 soldados e 750.000 reservistas.

Familia Imperial Alemã

A Casa Imperial soberana atualmente é Hohenzollern von und zu Liechtenstein, a dinastia Hohenzollern von und zu Liechtenstein. O chefe da Casa Imperial e monarca é o Imperador George I. O Imperador George I é casado com a Imperatriz Mathilde, da casa de Habsburgo, e possuem dois filhos:

- Principe Herdeiro Imperial, Louis Amadeo

- Princesa Imperial, Désirée Elizabeth Marie

Seguindo a ordem de sucessão, Louis Amadeo é o herdeiro do trono imperial.


Hino Imperial Alemão

Die Fahne hoch! Die Reihen fest geschlossen!

Bundeswehr marschiert mit mutig-festem Schritt

Kameraden, die Rotfront und Reaktion erschossen

Marschieren im Geist in unseren Reihen mit

---

Die Strasse frei den braunen Bataillonen

Die Strasse frei dem Sturmabteilungsmann!

Es schaun aufs Hakenkreuz voll Hoffnung schon Millionen

Der Tag für Freiheit und für Brot bricht an!

---

Zum letzten Mal wird nun Appell geblasen!

Zum Kampfe stehen wir alle schon bereit!

Bald flattern Georgefahnen über allen

Straßen

Die Knechtschaft dauert nur noch kurze Zeit!

---

Die Fahne hoch! Die Reihen fest geschlossen!

Bundeswehr marschiert mit mutig-festem Schritt

Kameraden, die Rotfront und Reaktion erschossen

Marschieren im Geist in unseren Reihen mit

-

Also on Fandom

Random wikia